Jennifer Connely

Por fazer filmes em Hollywood desde os seus quatorze anos, quase que já é vista como parte da mobilia É uma das mais talentosas actrizes da sua geração e a sua beleza encontra poucos rivais. Com um óscar no bolso, espera-se agora mais, muito mais desta menina-prodigio...

Nasceu a 12 de Dezembro de 1970 no estado de Nova Iorque. Cresceu em Manhanthan e aos 10 anos estreou-se como modelo. Depois passou aos anuncios televisivos e com 14 anos foi apresentada a Sergio Leone que viu nela a menina perfeita para o seu Once Upon a Time in America. Connelly acabaria assim por se estrear num dos mais bem conseguidos filmes dos anos 80. Depois do sucesso inicial passou para series televisivas voltando ao cinema pela mão do polémico realizador Dario Argento no filme Phenomena. Até ao final da década de 80 teria interessantes papeis em pequenas series e algum sucesso em filmes como Etoile e Some Girls. Voltaria a destacar-se em The Rocketeer, já em 1991. Era já vista como uma das mais promissoras actrizes da sua geração.


No inicio dos anos 90 os seus maiores papeis surgiram em Carreer Oportunities, The Hearth of Justice e Mullolhand Falls. Só em 1997 voltaria a destacar-se junto do grande público no sucesso de Alex Proyas, Dark City, o filme que foi visto como a grande inspiração por detrás do universo Matrix. O filme abriu-lhe as portas a outro tipo de papeis e assim em Wakening the Dead, mas principalmente no espantoso Requiem for a Dream, a jovem Connelly provou ser uma actriz feita para todos os tipos de papeis. Daí a ser convidada por Ron Howard para A Beautiful Mind foi um pequeno passo. E daí a vencer o óscar de melhor actriz secundária também. Era a sua confirmação, mas também a confirmação das wondergirls dos anos 80 em Hollywood.


A partir daí o seu nome tornou-se unanime na praça. Entretanto já tinha casado com o actor Paul Bettany, com quem contracena também no filme de Howard, e durante um ano abandonou o cinema para dar á luz o seu primeiro filho.
Após o óscar entrou em Hulk e principalmente em House of Sand and Fog, o seu primeiro grande desempenho como actriz principal. E também a sua confirmação absoluta. Agora prepara-se para estrear Dark Water e Bridshead Rivisted. E os amantes do cinema ficam expectantes em ver cada vez mais a sua aura a brilhar na tela.
0